Total de visualizações de página

quarta-feira, 4 de julho de 2012

//MINHA FALTA//


O que te quero dizer é que eu não sei,
Mas o que quero te dizer é que eu nem sei,
Digo também que sinto, isso sim,sinto.
Mas quero te falar onde não minto,
Eu sinto,mas as vezes omito.

O que quero dizer é que nem tudo tem nome,
As vezes o rótulo esta em construção.
Desconstruindo coisas para construir outras,
Mas sou calmo demais passando despercebido.

Passo às vezes por coisa que não sou,
quieto e pensativo pareço que não me dou
Perdido em mim e muito cobrado
falto onde devo ser demasiado.

Perco-me na objetividade
É muita volta pra pouca curva
Minha sentença vem sempre a cavalo
E pago caro pela minha água turva

Nenhum comentário:

Postar um comentário