Total de visualizações de página

terça-feira, 8 de outubro de 2013

DA PERDA


Quando a palavra simplesmente não cabe.
Quando o texto não entra no contexto.
Quando o sentimento não se expressa no dizer
Nem na escrita se exprime a dor, o sofrer.

Quando parece que não há vento que sopre a favor.
Quando não ha nem sol, nuvem, chuva ou calor.
Quando nada parecer bastar, acalmar, tranquilizar.

Lembremos que existem caminhos desconhecidos
Por dentre as vielas da alma por vezes perdido,
Um conforto que não tem nome,não tem sobrenome.

Existe um mistério no tragar das boas lembranças,
Que leva pra longe com o tempo essa dor que tira o chão,
Que destrói e nos constrói seres mais fortes.

Resiliência é o que nos cria.
Na temporalidade da matéria
O amor e a aceitação.
Porque palavras...
Palavras não cabem não.

24-01-2013

Nenhum comentário:

Postar um comentário